29 janeiro 2006

A vaca foi pro brejo (2)

Ratifico o que afirmei antes neste blog, quando a aftosa era assunto tratado diariamente pela mídia. A midia agora, em concluio criminoso com o executivo, "crime de lesa-pátria", não trata mais da questão da aftosa e o governo demonstra, também ai, a má intenção que denunciei na mensagem A vaca foi pro brejo (1), publicado neste blog, em 01/novembro/2005. A China agora, também não compra mais a carne brasileira e a Russia continua não comprando. O que demonstra a incompetência proposital do atual governo das esquerdas vagabundas.

Naquele texto que publiquei aqui, eu afirmava:

"Esta não é a primeira vez que políticos impunes prejudicam o Brasil por motivos inconfessáveis. Desta vez, a disseminação de aftosa pelo país, maior produtor mundial de carne bovina de qualidade, foi catastrófica para o país e mais uma indústria exportadora de sucesso (indústria da carne) vai para o brejo.

Na minha leitura desse fato, vejo como beneficiados o PT e o MST, além dos concorrentes internacionais.
Os prejudicados além dos pecuaristas, empresários do setor e funcionários diretos, vejo os empregos indiretos e o tesouro nacional, especialmente este último, que sempre investiu em Embrapas, Emateres entre outras instituições custosas e de sucesso para o crescimento do setor, do emprego e das exportações.

Porque o MST é um grande beneficiário? Porque após a quebra de pecuaristas e a falência das exportações de carne brasileira, as fazendas virão a ser consideradas improdutivas. Fato, o gado morreu e os demais podem estar contaminados! O governo assim, faz uma "reforma agrária" dando terra boa oriunda de pastagens descansadas e planas para os "cumpaeros" do MST plantar roça subsidiada.

Na leitura deles, o Brasil que se dane!"

Ratifico o que afirmei e continuo cobrando da mídia e dos formadores de opinião uma atitude mais responsável com a nossa pátria.

Para conferir:
http://camaradaarcanjo.blogspot.com/2005/11/vaca-foi-pro-brejo-1.html
Share |

4 Comentários:

Blogger Peninha said...

Essa vaca que foi para o brejo tinha aftosa?

29 janeiro, 2006 21:53  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Não, não tinha.
Estava bem de saúde e faturando um bom dinheiro para o Brasil com exportações crescentes.
:)

30 janeiro, 2006 01:18  
Anonymous Aluizio Amorim said...

Camarada Arcanjo,

com esse governo incompentente, estamos atirando pela janela um manancial inesgotável de dólares. Não há um controle sanitário sério e efetivo. E isso me admira, porque o governo tem como ministro o Furlan, o primeiro homem da Sadia, que é uma empresa pioneira no ramo de produtos de origem animal.
Portanto, seu post tem tudo a ver com essa realidade adversa. O Brasil é considerado um dos maiores exportadores de carne de gado do mundo. E este status está agora ameaçado em decorrência da incúria do governo.
Abs
Aluízio Amorim
http://oquepensaaluizio.zip.net

31 janeiro, 2006 00:15  
Blogger Camarada Arcanjo said...

O Brasil já foi o terceiro maior exportador de armas convencionais do planeta! Você sabia? Deixou de ser, não é mais.

A indústria inteira foi extinta, perdeu-se os postos de trabalho, a tecnologia foi entregue as empresas concorrentes de mão beijadas e apenas pouca coisa ficou com a Inbel. Apenas citei o fim desta indústria para demonstrar que este absurdo é prefeitamente viável, aqui.

Os políticos, de um modo geral, não tem compromisso com a pátria, só com eles próprios e com quem os financia e compra.

No caso da indústria da carne será assim também. Quando o Brasil deixar de exportar o produto o preço interno subirá assustadoramente.

A industria será sucateada e os pastos serão distribuídos para reforma agrária. Claro, depois de comprados a peso de ouro pelo governo. A seguir, os pastos serão doados para o pessoal do MST plantar horta subisidiada pelo dinheiro público.

31 janeiro, 2006 11:40  

Postar um comentário

<< Home