01 dezembro 2005

Ameaça, idéia ou espasmo

O Globo publicou matéria sobre a cassação do Deputado José Dirceu, com o título:
Em clima de constrangimento, nem a oposição comemora a cassação.

A matéria muito interessante, demonstra um compromisso estranho, na verdade parece um "espírito de corpo" dos compromissados com a manutenção dos acordos inconfessáveis, que regem, de vez em quando, compromissos do tipo "assina-e-retira", e outras coisas do mesmo gênero.

As autoras Maria Lima e Isabel Braga, descrevem o clima na Câmara durante, e após, a cassação do deputado José Dirceu. Dentre os parágrafos da matéria selecionei este, porque achei o mais emblemático.

"— Isso terá reflexo na democracia brasileira. Trata-se de uma cassação política. Hoje abriu-se um precedente perigoso — criticou o vice-líder do PT, Paulo Pimenta (RS)".

Entendi, por extensão... que a partir de agora uma maioria de deputados pode cassar sistematicamente seus opositores e suplentes correspondentes, até a eliminação completa dos adversários. Será, que ele estava se referindo a isso? E se estava, seria um espasmo ou uma idéia?

Sempre desconfiei que isto estava prestes a acontecer por iniciativa do PT, é claro.

Confira:
http://oglobo.globo.com/jornal/pais/189475445.asp
Share |

28 Comentários:

Anonymous Grenadier said...

Esse Pimenta não é o "garagista"? O que é que ainda está fazendo lá?

01 dezembro, 2005 20:29  
Blogger Serjão said...

Exatamente, concordo com o granadier Este merda já deveria estar em casa há muito tempo, Não sei nem como ainda dá pitaco

01 dezembro, 2005 21:20  
Anonymous Sarcastico said...

Mas logo o Paulo Pimenta que vem fazer comentário, o cara que queria inserir na CPMI dos Correios documentos falsos dado a ele pelo Marcos Valerio na Garagem do Senado.
Eu só não entendo é como não fizeram uma represntação contra ele. Falta de decor se tem por dois motivos, um falsidade ideologica ao usar documentos falso, e o outro mentir no Conselho da CPMI quando ele negou e só depois admitio quando ameaçaram passar a fita de video da garagem do Senado.

02 dezembro, 2005 00:28  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Eu achei o texto com gosto de "réquiem para uma morte inesperada". Percebi um clima de "velório de cappo di tutti cappi" com direito a naipe de carpideiras profissionais bem pagas, fileira de limousines, coroas de flores em profusão, costumes bem talahados e sapatos lustrosíssimos, ou seja, tudo o que a "vítima" tem direito.
Hoje 14:30h o ainda "Cappo" fez um discurso melancólico, segundo me contaram, porque não me dei a esse sofrimento de assistir, o ex-deputado se fez de vítima e buscava parecer mais puro que a Madre Tereza de Calcutá. Segundo me disseram, "dava pena de ver", tamanho sinismo do ,convenientemente, ex-arrogante o Vossa Excleência José Dirceu.

02 dezembro, 2005 01:06  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Esse é que é o PONTO NEVRALGICO desta questão.
O Cabra, não foi cassado por ter mentido e ter ainda tentado fraudar com o itento de abafar uma prova do crime.

É ele mesmo, sem dúvida!

02 dezembro, 2005 01:11  
Anonymous Sérpico said...

Cassação política uma ... esses caras tem que ir para cadeia. E a Globo tem que pagar os impostos que deve e deixar de fazer apologia a prostituição e ao tráfico de dorgas.

02 dezembro, 2005 08:40  
Anonymous EliStrega said...

Óleo de peroba
Menos de vinte e quatro horas depois da cassação do mandato do deputado José Dirceu, o vilipendiado cidadão brasileiro foi obrigado a arcar com mais uma conta desnecessária. Desde a madrugada de ontem, quinta-feira, o ex-ministro e ex-deputado José Dirceu não tinha mais direito a qualquer tipo de regalia dentro da Câmara, mas, mesmo assim, fez uso de uma sala da Casa para conceder uma entrevista coletiva. Trata-se de uma afronta à dignidade popular, especialmente se considerarmos que o agente de tal aberração sempre falou, durante mais de vinte anos, em probidade, coerência e outras tantas coisas relacionadas. Para completar, Dirceu fez questão de utilizar o plenário 13 para sua entrevista, número que coincide com o do registro do PT na Justiça Eleitoral. Esse senhor, que já não está mais parlamentar, deveria ter pago do próprio bolso o aluguel de uma sala em qualquer ponto de Brasília.
http://www.ucho.info/

02 dezembro, 2005 11:49  
Anonymous EliStrega said...

Operação abafa
Depois de tentar se firmar como o galã das CPIs e declarar, no Mato Grosso do Sul, ser ele o melhor quadro político nacional do momento, Delcídio Amaral provou, ontem, que nem tudo o que fala e pensa é merecedor de crédito. No melhor estilo abafa, Delcídio optou por arquivar 189 requerimentos considerados desnecessários, sendo que dois deles eram de suma importância para esclarecer o maior escândalo de corrupção da história brasileira. Um deles tratava da convocação de Genival Inácio da Silva, o Vavá, irmão do presidente Lula que repentinamente enveredou pelo universo do lobby. Outro, mais bombástico, tinha como alvo a convocação do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, que muito tem a explicar. Vavá, todos sabem, aproveitou o momento de fama do irmão para faturar algum dinheiro extra, mas no caso de Meirelles a situação é mais séria. Sem o depoimento do presidente do BC, o qual está sob investigação da Procuradoria Geral da República, jamais se saberá a quem pertence a empresa off-shore Sylvania LLC.
http://www.ucho.info/

02 dezembro, 2005 11:50  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Este comentário foi removido por um administrador do blog.

02 dezembro, 2005 12:55  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Elistrega,

Tem um detalhe interessante nesse assunto do Meirelles. O depoimento na CPI e a investigação do Ministério Público não dariam em nada. As CPI’s e este Congresso são absolutamente incompetentes para resolver seriamente qualquer coisa de interesse nacional, por conveniência e cumplicidade.
E o Ministério Público só tenta transgredir a Constituição (caso do procurador Acyoli) e acossar blogs políticos.

Mas quem sabe da folha corrida do Meirelles é a promotoria Americana que pediu a sua quebra de sigilo e o Lulla não deu.
Lá o "agora Ministro" está com a cabeça a prêmio, lá. O assunto está adormecido e represado, porque o Lulla o está protegendo. A proteção do Lula acaba e a extradição do Meirelles acredito ser uma opção interessante. Caso a Justiça Americana o queira, por prática de crimes internacionais.

02 dezembro, 2005 13:07  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Granadier, Serjão e Sarcástico,

Essa Pimenta é apenas um emblema, um ícone da promiscuidade reinante no congresso nacional (sim, com minúsculas). Houve outro do PT, não me lembro agora nome, que cassado coordenou uma reunião dos partidos de apoio ao governo com presença expressiva de vários representantes de toda a base aliada.
Parece brincadeira, mas o nome disso é promiscuidade descontrolada. Senão, é debochar com quem paga a conta.

02 dezembro, 2005 13:18  
Anonymous Saramar said...

Hummmm...quem diria, hein? o PT conseguiu comprar até Globo ( o BNDES que o diga).
Essas tentativas de renomear os crimes, para minimizá-los já está cansando.

02 dezembro, 2005 13:51  
Anonymous Sérpico said...

Arcanjo você tem razão. Em quem vamos votar? Não tem ninguem. Todos pilantras profissionais.
A LUTA CONTINUA!

02 dezembro, 2005 20:26  
Anonymous Sportsman said...

Camaradíssimo, permita-me duas precisões: brasileiro não pode ser extraditado, e o petralha que continuou empesteando o congresso foi o Paulo Rocha, que renunciou justamente para não ser cassado. É da laia dos demais. Grande abraço.

02 dezembro, 2005 20:38  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Camarada Sportsman,

Paulo Rocha esse mesmo! Bem lembrado. Na maior cara de pau, ainda ocupou a mesa e deliberou como se deputado, ainda fosse.
Ninguém tira esses embusteiros de lá.
Uma nulidade, concorda?

Quanto a extradição, realmente não pode, hoje. Mas, atendendo a inumeros pedidos, poderemos abrir uma excessãozinha. Pequena, só uma, só para assistir a criatura vestir por 30 anos o uniforme laranja, que é uma cor que lhe cai bem, e com aquelas correntinhas niqueladas, parecendo até uma odalisca.

Só de pensar nisso já ganhei ânimo novo e vou aproveitar a noite de sexta para sair e jantar.

02 dezembro, 2005 20:48  
Blogger Santa said...

Paulo Pimenta ??? Isso é demais...

03 dezembro, 2005 03:19  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Santa para estes caras de pau nada é demais.

03 dezembro, 2005 20:57  
Blogger Nemerson Lavoura said...

Camarada Arcanjo,
Teu blog também é ótimo e já está devidamente linkado no meu.
Um grande abraço.

04 dezembro, 2005 09:52  
Blogger Lata Mágica said...

Camarada Arcanjo, vimos o seu link lá no Blog da Santa. Parabéns pelo seu blog!
Somos estudantes secundaristas e desenvolvemos um trabalho experimental - fotografia primitiva. Quando puder nos dê a honra de uma visita.

04 dezembro, 2005 11:20  
Anonymous Gusta said...

Alguem sabe de alguma cassação que não foi política???

04 dezembro, 2005 19:12  
Blogger Santa said...

Passei para desejar a vc uma boa semana!

05 dezembro, 2005 10:22  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Gusta,
Garanto a você que nunca houve uma cassação que não fosse política.
Mesmo aquelas feita pelo Presidente Castello Branco, onde só cassava corruptos, diáriamente, todas eram exclusivamente políticas.

O que o PT está vislumbrando, e salivando com a idéia, é cassar sem justificativa, desde que a maioria aprove. Acontece que o Dirceu e o PT deram milhares de justificativas à sociedade brasileiria.

05 dezembro, 2005 11:22  
Blogger Moderado, o idiota said...

Boa tarde, camarada.

O mais estranho é o fato das jornalistas esperarem, do Congresso, um julgamento não-político.

Eu achava que a leitura de Voltaire era mais difundida.

Abraço,

05 dezembro, 2005 14:20  
Blogger Camarada Arcanjo said...

As esquerdas adoram palavras de ordem. A frase do Paulo Pimenta é de certa forma uma "palavra" de ordem.
Assim como rótulos, as palavras de ordem interrompem a discussão, tentam criar uma "verdade" e expurgam o pensamento, impelindo a adoção do conceito pela vítima.

As esquerdas salivam, seus olhinhos miudos brilham de satisfação quando ouvem uma palavra de ordem. O Paulo Pimenta só está ecoando um conceito já publicado.

05 dezembro, 2005 14:50  
Anonymous Saramar said...

Chorei de rir do seu comentário no blog do Nemerson. Também morro de preguiça de pensar o quanto empobrecemos

06 dezembro, 2005 13:42  
Anonymous Gusta said...

Saudades de vc, meu camarada.;)

06 dezembro, 2005 20:07  
Blogger Camarada Arcanjo said...

Gusta,
Nestes dias (incluindo o fim de semnana), uma fortíssima gripe pretendeu se transformar em pneumonia. O que acabou com meu ânimo por alguns dias. Mas, agora o quadro está se revertendo e logo estarei "na ativa".

Saramar, também estou devendo uma visita e a farei, com prazer. :)

06 dezembro, 2005 20:53  
Blogger bloody mary said...

camarada arcanjo:

OBRIGADA PELA LINDA MENSAGEM!

BEIJOS

BLOODY MARY

06 dezembro, 2005 22:26  

Postar um comentário

<< Home